Page 27

das pirâmides. No continente americano, os incas e os astecas conheciam o petróleo e, a exemplo dos povos da Mesopotâmia, o empregavam na pavimentação de estradas. O petróleo aproveitado pelas civilizações antigas era aquele que aflorava à superfície do solo. Uma das peculiaridades do petróleo é a migração, ou seja, se ele não encontrar formações rochosas que, por serem impermeáveis, o prendam, sua movimentação no subsolo será constante, com a conseqüente possibilidade de aparecer à superfície. A partir de 1920, os transportes terrestres, marítimos e aéreos passaram a consumir quantidades cada vez maiores do novo combustível. Já em 1930, surgiu a indústria petroquímica, tendo como base o petróleo na produção de numerosos equipamentos, objetos, produtos, etc. Nessa época, o subproduto indesejável passou a ser o querosene, então pouco utilizado. Apenas com o advento dos aviões a jato, em 1939, esse combustível voltou a ser consumido em grande escala. Dessa forma, a indústria de refino teve grande impulso, garantindo o abastecimento de milhões de veículos e o funcionamento dos parques industriais. A gasolina passou a ser o principal derivado do petróleo, enquanto ocorria uma ampliação do sistema de estradas, exigindo mais asfalto. Em 1938, 30% da energia consumida no mundo provinham do petróleo. Mas as duas crises sucessivas do petróleo (1951 e 1956) levaram a uma reconsideração da política internacional em relação a esse produto, e os países dependentes

No alto, batimetria das Bacias de Santos, Campos e do Espírito Santo. Logo abaixo, exemplo de uma seção sísmica.

do petróleo intensificaram a busca de fontes de energia alternativas. Microorganismos marinhos (chamados plânctons), na ausência de oxigênio, se transformaram, ao longo de milhões de anos, nos constituintes do petróleo (hidrocarbonetos, animais, tioálcoois, etc.). Comercialmente, existem dois tipos de petróleo: o leve (de onde é tirada a gasolina) e o pesado (com maior proporção de querosene e óleos combustíveis). O petróleo leve tem maior cotação no mercado mundial, por causa do elevado consumo de gasolina.

O petróleo possui uma mistura de compostos orgânicos, na qual predominam os alcanos. É a mais importante fonte de energia (através da queima dos alcanos) e constitui a matériaprima da indústria petroquímica, responsável pela manufatura de milhares de produtos de consumo diário, tais como: plásticos, adubos, corantes, detergentes, álcool comum, acetona, gás hidrogênio, etc. As maiores reservas de petróleo (mais de 50%) mundiais estão nos países banhados pelo Golfo Pérsico. Os lençóis petroTN Petróleo Estudante

25

TN Petroleo Guia do Estudante 2008  

Suplento da Revista Brasileira de Tecnologia e Negócios de Petróleo, Gás, Petroquímica, Química Fina e Biocombustíveis

TN Petroleo Guia do Estudante 2008  

Suplento da Revista Brasileira de Tecnologia e Negócios de Petróleo, Gás, Petroquímica, Química Fina e Biocombustíveis

Advertisement