Page 10

editorial

Tim-Tim É tempo de brindar

U

ma bebida dos deuses, desde os tempos mais remotos da Antiguidade, o vinho era o responsável pela animação dos banquetes e recepções e fazia parte das refeições de reis e plebeus. Hoje, muito já se sabe sobre a bebida que ganhou cada vez mais sofisticação no preparo e também na diferenciação e tipos dela. “Com suas borbulhas, eles simbolizam a celebração e o brinde, pois são alegres, podem ser ingeridos por períodos maiores por serem mais leves e costumam agradar à maioria dos con-

10

vidados”, lembra Carina Cooper, sommeliére da Vinícola Salton, que relata que 70% da produção nacional de espumantes é consumida internamente. Os espumantes são caracterizados pelas borbulhas ou perlage, nome técnico para elas, originadas pelo dióxido de carbono que há nele, resultado da fermentação natural da bebida, seja dentro da garrafa (método champenoise), seja fora dela (método charmat). Menu, Harmonização e Espumantes. Harmonizar, de forma geral, significa combinar vinhos e alimentos, extraindo o melhor dos sabores de cada um deles. Quando a harmonização é benfeita na criação de um menu, a experiência e as sensações criadas tornam o momento ainda mais inesquecível. Assim, para um evento, o cardápio pode ser idealizado

Festas+Eventos | Anuário 2015  
Festas+Eventos | Anuário 2015  
Advertisement